13 de junho de 2010

Kristen Stewart, Robert Pattinson e Taylor Lautner falam sobre o triângulo amoroso

O terceiro filme de “Crepúsculo,” “Eclipse,” é essencialmente centrado no triângulo amoroso dos personagens de Kristen Stewart, Taylor Lautner e Robert Pattinson, no qual Team Edward (RPattz) vs. Team Jacob (Lautner) é finalmente resolvido.
Ao passo que isso trás um bom entretenimento nas telas, as estrelas do filme dizem que ficariam bem sem o drama que vem com os três, muito obrigado.


Eu nunca estive em um triângulo amoroso,” Lautner contou aos repórteres na sua conferência de imprensa para “Eclipse.” “Eu não iria querer estar nessa situação. Eu não iria querer estar na situação da Bella, com certeza. Ou na do Jacob. Or na do Edward!”
Mas tarde no mesmo dia, Rob ecoou sentimentos similares quando questionado se ele já competiu por uma mulher com outro cara da forma que Edward faz com Jacob.
“Eu não sou bom em fazer isso. Eu meio que deixo para lá,” Rob disse com aquele leve sorriso sexy que ele tem. “E eu também acho, eu estava prestes a dizer que se a garota é sua, mas isso não faz sentido, se você é o cara com a garota primeiro, eu acho que talvez você seja forçado a lutar um pouquinho. Mas eu nunca estaria na posição do Jacob, pois aí você é o cara que acabou com o casal.”
Stewart disse que foi difícil apenas filmar a cena onde Edward e Jacob estão prontos para sair no tapa por causa dela – [spoiler] – pois Jacob e Bella acabam se beijando na frente do Edward.
“Eu estava nervosa para caramba sobre isso, só por causa daquele momento e do quão diferente aquele beijo é para todos eles no final do filme,” Stewart disse quase um pouco agitada, “é um erro” que a Bella faça isso.
Mas não pense que todas as emoções de KStew nessa cena em particular foram retiradas da experiência.
“É difícil realmente pegar detalhes da sua vida pessoal e aplicá-los em uma cena,” Kristen nos contou. “Por mais que você possa se identificar com um sentimento, você fica confuso assim que você começa a trazer as suas próprias coisas para isso…você pode se relacionar, mas você meio que tem que deixar essas coisas do lado de fora.”

Nenhum comentário:

Postar um comentário